A higiene dos felinos

A higiene dos felinos

Assim como acontece nos seres humanos, a higiene de um gato é um elemento muito importante. Esta contribui para o bem-estar do animal e passa por escovagem da dentição e da pelagem, corte das unhas e limpeza de orelhas, olhos e nariz. Contudo o gato também tem os seus próprios hábitos de higiene que começam a ser postos em prática 15 dias, após o nascimento.

A pelagem do gato deve ser escovada, pelo seu dono. Por um lado, é eliminado o pelo solto, que seria removido pelo animal e que levaria à formação de bolas de pelo (capazes de provocar a morte, quando em casos de grande quantidades de pelo ingerido). Por outro lado, o humano está atento ao comportamento da pelagem que através da perda de brilho ou redução do crescimento, pode refletir problemas como carências de proteínas ou aminoácidos.

Normalmente, os olhos do pequeno felino são saudáveis, não necessitando de cuidados particulares. Todavia, há necessidade observar a existência de lágrimas em excesso ou indícios de inflamação. Se for necessário, os olhos podem ser lavados, com o auxílio de uma compressa embebida num líquido próprio, indicado pelo veterinário.

 De um modo geral, o nariz, de um gato saudável, não contem secreções e apresenta-se húmido. Quando acontece o contrário, o animal deve ser visto por um profissional, pois pode ser indicador de uma patologia como gripe.

As orelhas do pequeno felino devem ser limpas, mas sem manipulação directa: deve ser colocado um produto de lavagem e massajada, exteriormente, a região. Quando o aspecto do interior das orelhas for estranho ou existir a presença de corrimento em excesso, deve ser consultado um médico veterinário, que indicará o melhor tratamento.

As unhas de um gato devem ser cortadas a fim, não só de prevenir danos em objectos dentro de casa, como também de diminuir o risco de lesões da zona inferior, das patas do animal. Para tal, embora possa ser usado um corta unhas normal, é aconselhado o uso de um corta unhas próprio, nomeadamente quando a experiência no corte é pouca.

É importante perceber que esta acção efectuada de modo incorrecto pode ferir o gato e provocar uma hemorragia. A condição das unhas também pode ser um indicador do estado de saúde do animal. Assim, unhas demasiado moles ou muito rijas podem evidenciar infecções ou carências nutricionais.

A escovagem da dentição do gatinho é muito importante e ajuda a prevenir problemas como criação de tártaro ou formação de placa dentária. Neste sentido, existem no mercado dentífricos adequados à espécie.

 

Tags: , , , ,

Comentários

Top